PRR e PRDF participam de debate sobre carreira

“Precisamos trabalhar juntos para construir uma proposta viável para o nosso plano de carreira”, disse o coordenador-geral do Sindjus, Roberto Policarpo durante debate realizado nesta quinta-feira (17). Aproximadamente 60 servidores da Procuradoria Regional da República e da Procuradoria da República no DF participaram do encontro. Estiveram presentes ainda, o presidente da Associação dos Servidores do MPF (ASMPF), Marcos Ronaldo Freire de Araújo, o coordenador de Comunicação, Cultura e Lazer do Sindjus, Valdir Nunes e o presidente da Associação dos Servidores Técnicos em Transporte e Segurança do Ministério Público (ASSTTRA), Rômulo Mateus.

A construção do novo plano de carreira esta a todo o vapor. O Sindicato já realizou reuniões em todos os tribunais e no MPU e formou grupos de trabalhos, em cada órgão. Os grupos de trabalho ajudarão o Sindicato a formular, desenvolver propostas e coletar novas sugestões.

A ASMPF acha oportuna a discussão sobre carreira, na PRR e na PRDF, já que a discussão já foi realizada na Procuradoria Geral da República (PGR). “Esperamos, com isso, ampliar nosso leque de debates e apoiar o Sindjus na formatação dos grupos de trabalho”, diz Ronaldo Freire.

O presidente da ASMPF afirma ainda que os grupos de trabalho são fundamentais para formulação de um plano de carreira efetivo e convoca todos os servidores do MPU a participar e colaborar com o Sindicato.

Roberto Policarpo destacou que o Sindicato esta afunilando as sugestões e não há projeto pronto e definido. “As discussões estão em andamento, queremos ouvir todas as sugestões”, diz.

Os principais pontos apresentados pelo Sindicato foram: o combate a terceirização, definição de atribuições e funções, informatização, desenvolvimento da carreira, aumento dos percentuais de AQ e reajuste da remuneração. Segundo Policarpo, o Sindicato esta se baseando nos salários de fisco e de gestor para formular uma proposta salarial.

Mas a participação dos servidores é fundamental, pois o tempo esta passando e o queremos apresentar o projeto o quanto antes. “Queremos pedir a ajuda de todos os servidores para responder o questionário sobre as atribuições da carreira, disponível em nosso site e pedir que todos enviem suas sugestões. A participação é importante e o tempo é curto”, explica Valdir Nunes.

“Adorei a discussão proposta pelo Sindjus, mas acredito que a participação esta pequena. Acho que os servidores devem vestir a camisa e colaborar com o Sindicato, afinal ele trabalha a nosso favor”, afirma a técnica administrativa da PRDF, Maria Rodrigues de Sales Marcelino.

“Participei da reunião na PGR, achei ótima a participação dos servidores de lá. Acho que aqui na PRR, os servidores devem participar mais, ser mais atuantes, porque depois não há como reclamar”, diz o técnico administrativo Edson Severino de Oliveira.

Comissão Interdisciplinar

A criação de uma comissão interdisciplinar no Judiciário foi um dos temas discutido durante a reunião. Na última segunda-feira (15), o Sindjus recebeu ofício do diretor-geral do STF, Alcides Diniz, informando sobre a criação da comissão interdisciplinar para aprofundar a discussões sobre Plano de Carreira. A comissão será composta pelos secretários gerais do CNJ, CSJT, TJDFT, CJF e o Sindjus. “O Sindicato já foi convidado a participar da comissão do Judiciário e está enviando uma solicitação para que o Ministério Público também constitua a sua comissão com a presença do sindicato”, declarou Policarpo.

🔥21 Total de Visualizações