Justiça do Trabalho: Auxílio-alimentação terá reajuste

“O reajuste do auxílio-alimentação na Justiça do Trabalho ainda não é para o valor que queremos, mas, já é uma vitória e um fôlego a mais para continuarmos a lutar”, ressalta o diretor-geral do Sindjus, Policarpo.

Após três anos de muita luta, reuniões e requerimentos com propostas apresentadas ao órgão, o Sindjus comemora mais uma vitória. Nesta terça-feira (21) o Presidente do Conselho Superior da Justiça do Trabalho publicou o Ato n° 198/2008 com a seguinte resolução: “Art. 1° Fica estabelecido em R$ 590,00 (quinhentos e noventa reais) o valor a ser pago a título de auxílio-alimentação aos servidores da Justiça do Trabalho de primeiro e segundo graus…”. A resolução terá seus efeitos a partir do dia 1° de novembro de 2008.

Na verdade o ato corrige um erro inserido nos termos regimentais do órgão, é inadmissível que a Justiça do Trabalho pague um valor inferior de auxílio-alimentação, em relação aos demais ramos do Judiciário Federal. O valor é destinado ao custeio das despesas com alimentação dos servidores que sofre diretamente as influências da corrosão inflacionária.

Em requerimento enviado ao CSJT o Sindjus, solicitou o reajuste do auxílio-alimentação para R$ 632,00. E reafirmou a importância da correção inflacionária, que deve ser feita anualmente. O sindicato argumenta que a variação inflacionária requer o reajuste periódico do benefício, sob pena deste não alcançar sua finalidade de indenizar o servidor no valor necessário ao custeio de sua alimentação.

🔥15 Total de Visualizações