Servidores do Fórum Leal Fagundes sofrem com descaso

O caos prevalece no Fórum Leal Fagundes. Após reivindicações e pedidos feito pelos diretores do Sindjus, Sheila Tinoco e Jailton Mangueira o TJDFT ainda não solucionou todos os problemas existentes no Fórum e ainda transferiu servidores das Varas de Violência Contra a Mulher para o Bloco II, que ainda não foi inaugurado.

Na terça-feira (dia 12), uma servidora, recém transferida para o Bloco II passou muito mal com o cheiro forte de cola que estava no local e chegou a desmaiar. O atendimento demorou muito, porque não há posto médico no local, que fica há quilômetros de um hospital. O desespero foi muito grande, porque os servidores e seguranças não podiam fazer nada. “Isso é um absurdo, a situação não pode continuar assim, se o Bloco ainda esta em obras, porque transferir os servidores para cá”, afirma a diretora do Sindjus, Sheila Tinoco, que estava presente no Fórum quando a servidora desmaiou.

Algumas reivindicações dos diretores já foram atendidas, mas no térreo do Bloco IV, onde funcionam as reduções a termo, não há banheiros, ar condicionado e o calor é insuportável. A situação da falta de atendimento médico preocupa os servidores e os cidadãos que freqüentam o Fórum Leal Fagundes.

Nesta quinta-feira (dia 14), a coordenadora Sheila Tinoco tentará nova reunião com a administração do TJ.

🔥8 Total de Visualizações