Encontro propõe discussão sobre servidores com necessidades especiais

Acessibilidade, condições de trabalho adequadas e gestão no trabalho. Estas são algumas reivindicações dos servidores com necessidades especiais do Poder Judiciário. Ainda hoje os servidores com necessidades especiais, concursados e capacitados a desempenhar as atividades designadas pelos cargos, que foram nomeados, sofrem com a descriminação e a rejeição.

Com o objetivo de sensibilizar e mobilizar a sociedade para a eliminação das barreiras de informação, arquitetônicas, dentre outras, que impedem as pessoas com deficiência, ou mobilidade reduzida, a participarem efetivamente da vida em sociedade, a Secretaria Nacional de Políticas Sociais e o Coletivo Nacional de Trabalhadores com Deficiência promovem os Encontros Estaduais e Nacional do Coletivo de Trabalhadores (as) com Deficiência. O Encontro Nacional ocorrerá nos dias 21 e 22 de setembro, em São Paulo.

“A aposentadoria especial já é uma reivindicação do Sindjus, mas pretendemos contribuir para o debate sobre os servidores com necessidades especiais. As reivindicações desta categoria devem ser ouvidas e atendidas. Por isso queremos contar com a participação dos servidores no Encontro, em Brasília, para ampliarmos o debate”, afirma o coordenador-geral do Sindjus, Roberto Policarpo.

Os Tribunais não tem estrutura para receber os servidores com necessidades especiais. Atualmente o TJDFT esta adaptando os banheiros sociais para atender as necessidades de seus servidores. Mas isso não é uma realidade em todos os órgãos.

“A participação de todos os servidores com necessidades especiais, diretores dos órgãos e delegados sindicais é muito importante para o debate e irá contribuir para a discussão. Porque estes servidores vivem a rotina e as dificuldades no dia a dia de trabalho e a explicação deles é essencial para o Encontro”, reforça a diretora do Sindjus e secretária de Relação de Trabalho da CUT-DF, Sheila Tinoco.

O encontro estadual será realizado no dia 10 de setembro, às 16h, no auditório da CUT-DF. Por isso o Sindjus quer convidar a todos os servidores com necessidades especiais, diretores e delegados sindicais do Poder Judiciário para participar do encontro. Caso você tenha interesse de participar e queira fazer sugestões de temas para discussão, clique aqui e preencha a ficha de inscrição elaborada pelo Sindjus. O Sindicato encaminhará as propostas para a CUT-DF.

Leia na íntegra o texto base que será tema das discussões em Brasília. Veja abaixo programação do Encontro em São Paulo:

II Encontro Nacional dos (as) Trabalhadores (as) com Deficiência – CUT

Programação

21/09

18h00 – Ato Nacional de Adesão à Campanha de Acessibilidade “Siga essa idéia”
Teatro Cacilda Becker – São Bernardo do Campo

22/09

9h00 – Abertura oficial
Quintino Severo Marques – Secretário Geral da CUT
Expedito Solaney – Secretário Nacional de Políticas Sociais da CUT
Flávio Henrique – Coordenador do Coletivo Nacional de Trabalhadores/as com Deficiência – CUT

9h30 – Debate “Conjuntura e o Projeto Político para os/as Trabalhadores/as com Deficiência”
Quintino Severo Marques – Secretário Geral da CUT
Flávio Henrique – Coordenador do Coletivo Nacional de Trabalhadores/as com Deficiência – CUT
Isaias Dias – Vice-presidente do CONADE

12h30 – Almoço

14h00 – Avaliação, organização, plano de ação e eleição do Coletivo Nacional de Trabalhadores com Deficiência.

17h30 – Encerramento

🔥9 Total de Visualizações