Ato hoje é no TST, às 15h30

Conforme explicação do coordenador-geral do Sindjus, Roberto Policarpo, ontem durante assembleia, na Praça dos Tribunais, o CNJ encerrou sua participação nas discussões sobre o PCCR e o ministro Ives Gandra se comprometeu a enviar o relatório do Conselho até hoje (dia 24) ao STF.

Nesta terça-feira os piquetes se intensificam e a mobilização tende a aumentar. Os servidores do STJ receberam informativos do diretor do Sindjus, Berilo Leão, sobre a assembleia desta segunda-feira. Segundo o diretor, é importante e necessária a presença de todos no ato, às 15h30, em frente ao TST. O local foi escolhido para que a categoria possa pedir para o ministro Ives Gandra o envio imediato do relatório do CNJ ao STF. E ainda para tentar mobilizar mais servidores do TST. “Os servidores do STJ seguem firmes no propósito de pressionar o STF a enviar o nosso PCCR e estamos na expectativa do envio do relatório do CNJ ao Supremo”, afirma o diretor do Sindjus, Berilo Leão.

No TSE, os piquetes estão firmes, todos os dias as participações aumentam e os servidores estão cada vez mais confiantes. “Estamos reunidos em prol de um objetivo comum: o envio imediato do PCCR ao Congresso Nacional”, diz o diretor do Sindjus, Antônio José Oliveira Silva.

A presença dos servidores em frente ao TST, às 15h30, é fundamental para o processo de envio do relatório do CNJ. Mostre sua força, compareça!

🔥9 Total de Visualizações