Procuradora Geral do MPDFT não é favorável a aumento de jornada

Nesta segunda-feira (8), a diretora do Sindjus Ana Paula Cusinato se reuniu com a procuradora-geral do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), Eunice Pereira Amorim Carvalhido para tratar sobre o possível aumento de jornada de trabalho dos servidores do MPU. A procuradora garantiu que não é favorável a aumento de jornada e que se posicionará contra caso a discussão vá para o âmbito do Conselho de Assessoramento Superior.

A diretora do Sindjus informou à procuradora que o Sindjus já se reuniu com o secretário-geral do Ministério Público Federal, Lauro Cardoso, no final do mês de outubro, e o mesmo negou a existência da intenção de aumento de jornada. Segundo Cardoso, existe um estudo da portaria 707 da Procuradoria Geral da República (PGR) e dentre os fatores analisados está o grande acúmulo de banco de horas dos servidores.

Na reunião também participaram o diretor-geral do MPDFT, Vetuval Martins Vasconcelos, e o vice-presidente da Associação dos Servidores do MPDFT, Artur Marciano.

🔥13 Total de Visualizações