PCCRs: Peluso diz que STF está negociando. Sindjus trabalhará aprovação da urgência.

O presidente do STF, ministro Cezar Peluso, recebeu a Fenajufe e Sindjus na tarde de ontem (25) para tratar do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração. O ministro, demonstrando desconforto diante do impasse da votação do PCCR, limitou-se a dizer que pretende resolver o impasse até o dia 5 ou 6 de dezembro, quando poderá ser votado o parecer da proposta de Lei Orçamentária Anual de 2011 na Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional, caso não haja alteração no calendário.

Sem mencionar quais os passos que pretende dar e nem como pretende atuar no sentido de garantir o reajuste, o presidente afirmou não ser necessária sua conversa com o presidente Lula, uma vez que as reuniões entre o STF e o Executivo estão se encaminhando para uma solução.

Na avaliação do coordenador-geral Policarpo, a estratégia a ser adotada é a mesma que a categoria utilizou em 2001. Naquela época, vivíamos o mesmo problema com relação à aprovação dos PL 5.314 e PL 5.440. Nossa atuação no Congresso conseguiu fazer com que o pedido de urgência fosse aprovado, pressionando o governo a abrir a negociação quanto à adequação orçamentária.

Hoje, a história se repete, temos o pedido de urgência do deputado Rodrigo Rollemberg e precisamos garantir sua aprovação. Chegou à hora de voltarmos ao Congresso para garantir a aprovação dos nossos projetos. Mais uma vez a vitória depende do nosso empenho, da nossa mobilização, da nossa união.

Na terça-feira (30/11), os coordenadores do Sindjus e delegados sindicais visitarão os gabinetes pedindo aos deputados a aprovação do pedido de urgência. Na quarta (1º/12), às 15h, faremos um ato entre os anexos 2 e 4 da Câmara Federal e a presença de toda a categoria é fundamental.

🔥14 Total de Visualizações