Vice-líder do PMDB se compromete em tentar colocar PCCR no Plenário

Os diretores do Sindjus se reuniram na tarde desta quarta-feira (15) com o vice-líder do PMDB, Mendes Ribeiro, que informou sobre a expectativa de mais uma sessão plenária na próxima semana para votar o orçamento. Ele se comprometeu em fazer o possível para colocar os planos de carreira do judiciário e do MPU nesta pauta caso se confirme a sessão.

Na reunião o diretor do sindicato Jailton Assis explicou que a luta da categoria é difícil e precisa do apoio dos parlamentares. “Nós estamos desde
2008 lutando por esse reajuste. Somos a única categoria que precisa negociar com os três poderes e sempre que pedimos um aumento somos massacrados pela imprensa que coloca numa mesma conta os magistrados e os servidores. Temos uma defasagem salarial grande com os servidores dos outros poderes e isso está desvalorizando o judiciário”, explicou.

Mendes Ribeiro se mostrou solidário à luta da categoria e disse que esse sistema precisa mudar. “Essa solicitação tripartite desgasta muito. É preciso rever isso”, disse o deputado que considera que a categoria esteja no caminho certo. “A tentativa de vocês é válida. Vocês estão cumprindo o papel de vocês e eu estou fazendo o meu ajudando no que é possível”.

Enquanto os diretores se reuniram com o representante do PMDB os servidores seguiam no ato abordando os deputados que passavam pelos corredores da Câmara dos Deputados. Ivan Valente, líder do PSOL, foi um dos deputados abordados pela categoria e parabenizou a luta da classe. “Sem luta não há conquista. Quando os servidores mostram que são cidadãos e querem respeito eles ganham força. Por isso eu acredito que os projetos de vocês pode ser aprovado sim”, disse o deputado.

A luta do Sindjus junto a categoria continua. Na próxima semana os diretores continuaram a sensibilizar os parlamentares enquanto continuam sendo feitas as negociações entre Supremo e Executivo. Todos as saídas estão sendo cercadas.

🔥9 Total de Visualizações