Brasília sedia Encontro Nacional da Articulação das Mulheres Brasileiras

Do dia 30 de março a 02 de abril acontece em Brasília o Encontro Nacional da Articulação das Mulheres Brasileiras. A abertura será nesta quarta-feira (30), às 14 hrs, no auditório Petrônio Portela, do Senado Federal.

Parlamentares e representantes feministas dos 26 estados e dos principais movimentos, fóruns e entidades feministas do país participarão do evento que promoverá debates em torno de quatro eixos temáticos mobilizadores: O jeito que o mundo está e o que queremos transformar; Olhares feministas sobre a situação das mulheres; Juntando gente para mudar o mundo; e Nossas lutas feministas.

O encontro também terá intervenções político-culturais nos intervalos das plenárias e oficinas e reuniões autogestionadas, além de lançamentos de ações coletivas e das publicações Balanço Nacional de Políticas para Mulheres 2003-2010; AMB na Marcha das Margaridas 2011; Campanha da AMB contra a violência; Publicação AMB, um jeito de ser e fazer feminismo.

Todas as atividades acontecerão no Centro Comunitário da Universidade de Brasília (UnB), local onde poderá ser feito o credenciamento poderá ser feito a partir das 16h do dia 30 de março de 2011 até as 18h do dia 31 de março de 2011.

No credenciamento, as participantes receberão o programa do encontro, informações de alojamento, poderão fazer a compra dos vales-refeição e também inscrever apresentações, reuniões e oficinas.

Confira a programação.

31 de Março de 2011

01 de abril de 2011

02 de abril de 2011

– Centro Comunitário da UnB

– Centro Comunitário da UnB

– Centro Comunitário da UnB

Tema: Atuação da AMB frente ao novo governo, no contexto de crise global.

Tema: 30 anos de feminismo transformando o mundo.

Questões organizativas da AMB e estratégias na conjuntura imediata.

 

08h – Acolhida e orientações.

 

09 às 12 h – 12 Grupos de discussão.

1. Uma mulher, com trajetória de esquerda, na presidência – como entendemos e como vamos atuar.

2. Combate à pobreza como prioridade de governo – como entendemos e como vamos atuar.

3. Política de desenvolvimento que agrava a crise social e ambiental – Como entendemos e como vamos atuar.

8h – Acolhida e orientações.

 

09 às 12 h – 12 Grupos de discussão.

1. Lutas antirracistas: Nossas vitórias, derrotas e novos desafios.

2. Lutas anti-patriarcais: Nossas vitórias, derrotas e novos desafios.

3. Lutas anti-capitalistas: Nossas vitórias, derrotas e novos desafios.

08h – Acolhida e orientações.

 

09 às 11h – 12 Grupos de Discussão.

 

1.Política de alianças nas lutas da AMB.

2.Política de formação da AMB.

3.A AMB na reforma política.

4.A AMB nas Conferências.

5.Financiamento da luta feminista da AMB.

🔥16 Total de Visualizações