Sindjus solicita reunião com candidatos a PGR

Em junho um novo Procurador-Geral da República deverá ser indicado pela presidenta Dilma Rousseff. O Sindjus já solicitou uma reunião com cada um dos quatro candidatos para passar as demandas dos servidores do Ministério Público.

O Sindjus espera que o novo procurador seja mais ativo ao cuidar dos seus servidores. “Queremos que a futura administração tenha uma postura democrática, condizente com o próprio conceito do Ministério Público”, disse Ana Paula Cusinato, coordenadora-Geral do Sindjus que destacou vários pontos de interesse da categoria que não tiveram a atenção esperada. “Um exemplo é o empenho do atual procurador-geral da República na aprovação do PL 6697/2009, que trata da revisão salarial dos servidores, ou as alterações necessárias na aplicação do controle eletrônico da jornada de trabalho estão sendo protelados há anos pelas sucessivas administrações”, explicou.

Os prováveis candidatos que irão compor a lista tríplice a ser encaminhada à presidenta Dilma Rousseff são os subprocuradores-gerais Antonio Carlos Fonseca da Silva, Ela Wiecko Volkmer de Castilho, Roberto Monteiro Gurgel Santos e Rodrigo Janot Monteiro de Barros. Essa lista é enviada a presidência como indicação da preferência dos membros do Ministério Público Federal sobre a nomeação do próximo procurador-geral da República.

Na próxima quarta-feira (04) a ANPR promoverá eleição para formação de lista tríplice. Essa votação não define o procurador, mas nos últimos anos o Presidente Lula indicou justamente os nomes mais votados na eleição da Associação.

🔥32 Total de Visualizações