Policarpo apresenta relatório ao DG do STF e pede inclusão no orçamento do Judiciário

O deputado federal Policarpo (PT/DF) apresentou ontem (8), a tarde, seu relatório ao diretor-geral do STF, Alcides Diniz, e com o secretário de Recursos Humanos do Supremo, Amarildo Oliveira. Relatório este que tem por base a resolução aprovada pela categoria no 6º Congresso do Sindjus, realizado no fim de maio, que determina a equiparação salarial com carreiras análogas por meio do reajuste da GAJ.

Em razão dos benefícios que o relatório de Policarpo trará à categoria, Alcides se mostrou simpático aos pontos apresentados. Comprometeu-se a levar esses pontos ao presidente.

Durante a conversa, Policarpo pediu ao DG que o Judiciário incluísse na previsão orçamentária que será enviada à Câmara pelo CNJ os valores referentes à implantação do PL 6613. “A garantia de aumento no orçamento através da LDO é fundamental para a implantação do PCCR”, afirmou Policarpo.

Em resposta a essa solicitação, Alcides avisou que Peluso já havia pedido para que a administração do STF fizesse um cálculo atual desse valor, solicitando a cada órgão os respectivos impactos atualizados. Esse estudo é fundamental para que os tribunais possam incluir os valores da implantação do PL 6613. Os tribunais precisam entregar suas emendas orçamentárias até o dia 16 de junho, para que o CNJ possa consolidar essas emendas e enviar ao Congresso como orçamento do Judiciário.

🔥7 Total de Visualizações