Agência Senado: Jayme Campos protesta contra falta de reajuste a magistrados e Ministério Público

Em pronunciamento em Plenário nesta quarta-feira (21), o senador Jayme Campos (DEM-MT) lamentou a recusa do governo de incluir reajuste a magistrados federais e membros do Ministério Público no Orçamento de 2012. O parlamentar interpretou a atitude como reflexo da “visível e crescente desproporção” entre os poderes da República, criticando a sobreposição do Executivo sobre os outros.

A presidente Dilma Rousseff, disse Jayme Campos, teria reiterado aos líderes da base governista que preferia fechar o ano sem aprovar o Orçamento de 2012 a ver embutido na lei o reajuste, sob o argumento de que a correção salarial provocaria reajustes em cascata e afetaria outras categorias quando a época é de “apertar cintos diante da crise internacional”.

– Não podemos concordar com esta postura. Precisamos construir um entendimento para que não prejudiquemos o Poder Judiciário. – disse o senador, que salientou a importância da votação da Lei Orçamentária ainda esta semana.

🔥14 Total de Visualizações