Assembleia do TJDFT lança manifesto pela movimentação extraordinária

Em assembleia realizada na tarde de ontem (14), servidores do Tribunal de Justiça lançaram manifesto em favor da movimentação extraordinária.

O coordenador do Sindjus Jailton Assis esclareceu sobre a viabilidade da movimentação e deixou claro que a decisão é muito mais política que técnica e que, para ser tomada, dependerá da mobilização dos servidores.

“O instituto da movimentação extraordinária foi utilizado no TJDFT pela última vez em 2001, quando a carreira estava com o salário muito defasado devido aos 5 anos sem reajuste, situação bem parecida com a atual.”, afirmou Jailton.

Como em 2001, o Tribunal de Justiça está com grande evasão de servidores e muitos aprovados no concurso sequer tomam posse, o que torna a movimentação extraordinária também interessante para a administração.

Mais de 100 servidores presentes levaram cópia do manifesto para colher as assinaturas de colegas. O coordenador do Sindjus José Oliveira (Zezinho) lembra que o Sindjus conta também com o apoio dos servidores em final de carreira, que foram beneficiados com a progressão.

Imprima aqui o manifesto, colha as assinaturas de seus colegas e ligue para o Sindjus que iremos buscar.

🔥8 Total de Visualizações