CUT promove semana de intensa mobilização em Brasília e cobra aprovação do PCCR

Na semana passada, durante o 11º Congresso da CUT, realizado entre os dias 9 e 13 de julho, que contou com a participação de coordenadores do Sindjus, foi aprovada uma resolução que cobra do Executivo a aprovação do reajuste dos servidores do Judiciário e do MPU.

O texto, abordando o histórico de luta pela aprovação dos PCCRs, classifica de “discriminatória” a postura de Dilma contra os servidores do Judiciário e do MPU. Além disso, defende o direito de greve. Essa resolução reforça a nossa luta, colaborando para aumentar a pressão em torno das autoridades competentes.

A Central Única dos Trabalhadores considerando legítima a reivindicação desses servidores, atuará na luta pela aprovação dos PLs 6613 e 6697/09. O apoio da CUT é de grande importância, tanto pela sua história quanto pela força de sua mobilização.

Amanhã (18), mais de 30 entidades nacionais, entre elas a CUT, se reúnem em uma grande marcha na Esplanada. Esta atividade terá início às 9 horas com concentração na Catedral. O movimento deve ser concluído com um pedido de audiência a ministra do Planejamento, Miriam Belchior.

Desde o dia 16 (segunda), vem sendo realizado o “Acampamento da Greve”, que reúne servidores federais de todo o Brasil no intuito de buscar propostas concretas do governo às demandas do funcionalismo. Esta semana será intensa em atividades, com diversas manifestações previstas. O objetivo é um só: garantir avanços nas negociações que dizem respeito à valorização dos servidores.

Participe desta luta levantando a bandeira da aprovação do nosso PCCR.

🔥8 Total de Visualizações