Sindjus concorda com proposta da OAB/DF de suspender os prazos processuais

Ontem (16), o secretário-geral da OAB/DF, Lincoln de Oliveira, o diretor tesoureiro Raul Saboia e o presidente da Comissão de Prerrogativas, Sandoval Curado Jaime, reuniram-se com a corregedora em exercício do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), Kátia Balbino, para entregar ofício solicitando atenção especial ao atendimento dos advogados durante o período de greve dos servidores federais.

“Estamos tendo várias dificuldades em diversas varas. Nossa postulação hoje é encontrar uma condição de uniformizar o atendimento aos advogados nas varas, resguardando as prerrogativas, sem interferir no movimento grevista”, explicou Sandoval.

As sugestões encaminhadas pela OAB/DF foram a de garantir a quantidade mínima de 30% dos servidores trabalhando ou a de suspender os prazos em todas as varas.

O Sindjus compreende a preocupação da OAB e concorda com a suspensão dos prazos, de modo a não prejudicar o movimento grevista, tampouco o trabalho dos advogados. “O melhor caminho é suspender os prazos processuais durante esse período em que as atividades estão paralisadas. O Sindjus tem conversado com os magistrados sobre essa necessidade e vai, agora com a OAB, intensificar esse trabalho de convencimento dos magistrados”, afirmou a coordenadora Ana Paula Cusinato.

“A greve está causando uma certa dificuldade aos advogados, porque algumas varas estão realizando determinados procedimentos e outras não. No caso da 9ª Vara, os prazos foram suspensos. Nas demais, continuam correndo normalmente. Por isso buscamos a possibilidade de ter essa uniformização, para que possamos passar informações concretas para toda a advocacia”, disse Lincoln de Oliveira.

Kátia Balbino comprometeu-se a submeter o documento à presidência da Casa para análise. O mesmo ofício será entregue ao corregedor do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), desembargador Dácio Vieira.

Com informações da assessoria de imprensa da OAB

🔥10 Total de Visualizações