Ato no STF para dizer não ao reajuste de 15,8%

Na tarde desta quinta-feira (23), os servidores do Poder Judiciário e do MPU vão realizar um ato em frente ao Supremo Tribunal Federal para dizer “não” à proposta de reajuste de 15,8% parcelado em três anos feita pelo Executivo e repassada a nossa categoria durante reunião com o ministro Ayres Britto na terça-feira (21). Ao longo do dia de ontem, a categoria, em diversos locais de trabalho, rejeitou essa proposta, classificando-a de absurda e vergonhosa.

Hoje, os servidores, em mais uma prova de unidade e mobilização, vão se concentrar entre o TSE e o TST, a partir das 15h. De lá, partem em marcha até o Supremo Tribunal Federal. Vamos deixar claro ao presidente e aos demais ministros do STF que recusamos essa proposta. Queremos a aprovação do reajuste original contido no nosso PCCR, nada aquém disso. Com a sua participação, vamos dar o nosso recado ao Judiciário e ao Executivo na tarde de hoje.

🔥5 Total de Visualizações