Hoje é dia de decidir os rumos da nossa luta

Ao deflagrarmos greve por tempo indeterminado a partir do dia 1º de agosto, puxamos a greve em todo o país. Por mais uma vez, cumprimos o papel de locomotiva, sendo espelho para todo o Brasil. Conduzimos a nossa categoria, espalhada por todo o país, à vitória contra o reajuste zero imposto pelo governo da presidenta Dilma ao funcionalismo. Fomos à luta e conseguimos que o Supremo Tribunal Federal não se omitisse e que o Executivo não nos ignorasse. Fomos os primeiros a entrar em greve e seremos um dos últimos a sair dela. De acordo com o quadro de greve da Fenajufe a maioria dos sindicatos já deixou a greve. Dentre esses o maiores como São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

Mantemos-nos fortes e focados desde o início com o objetivo de vencer a política de reajuste zero. Por isso, podemos ir à assembleia de hoje (4), às 16h, no STF, com a cabeça erguida, com a certeza de que fizemos a nossa parte nesse ciclo que se encerra. Com esse espírito vitorioso, vamos discutir e votar os próximos passos da nossa luta. Vamos à assembleia com a consciência de que cumprimos com honra a nossa missão nessa greve e de que, de agora em diante, nossa luta deve alcançar um novo patamar. Afinal, o Executivo já deixou claro que não vai permitir que o Legislativo aprove no Orçamento de 2013 reajustes maiores do que o acordado.

Portanto, depois de uma trajetória vitoriosa, vamos à assembleia de hoje definir os rumos da nossa luta.

🔥6 Total de Visualizações