Sindjus integra comissão que discutirá assédio moral no TJDFT

O Sindjus sempre lutou para fazer parte de todos os conselhos e comissões, no âmbito do Poder Judiciário e do MPU, no que diz respeito, de forma direta ou indireta, ao universo do servidor. Dessa maneira, a partir da Portaria 52/2012 do TJDFT, que instalou uma comissão temporária para tratar de temas como relações de trabalho e assédio moral, o sindicato pediu assento nessa comissão.

No entendimento do Sindjus, tais temas estão diretamente relacionados à campanha em curso “contra a dor e pela felicidade”, de modo que os servidores precisam estar representados. “A intenção de integrar essa comissão é a de defender as reivindicações da categoria, de modo a preservar e ampliar os direitos dos servidores”, frisou a coordenadora Sheila Tinoco.

Em resposta a essa solicitação, o secretário-geral do TJDFT Substituto, Leonardo
Emílio, encaminhou ao Sindjus o ofício 10.001, de 13 de março de 2013, confirmando a participação do sindicato nessa comissão, que terá, entre outros, representantes da Ouvidoria-Geral; da Comissão Permanente de Processo Disciplinar da Corregedoria; do Núcleo de Acompanhamento Funcional; do Núcleo Psicossocial Institucional.

🔥14 Total de Visualizações