Sindjus monitora situação de risco no prédio da Vara de Execução Fiscal

O Sindjus recebeu um chamado de socorro dos servidores da Vara de Execução Fiscal (SIG), nesta sexta-feira (14), em razão do fato de uma viga, que fica na entrada da garagem do prédio, ter cedido. O coordenador José Oliveira (Zezinho) partiu imediatamente para o local, conversou com os servidores e acompanhou o trabalho dos bombeiros e da Defesa Civil, que interditou a entrada da garagem até que um engenheiro emita um laudo.

Segundo informações preliminares das autoridades competentes não há risco de desabamento. José Oliveira (Zezinho) tranquilizou os servidores com essa notícia e também com a garantia de que o sindicato vai acompanhar de perto todo esse processo, no intuito de assegurar a segurança dos servidores que trabalham naquele local.

“O Sindjus vai fiscalizar essa situação até que o risco seja sanado por completo. Assim que o laudo da Defesa Civil ficar pronto, vamos tomar as providências necessárias junto à administração para que os servidores trabalhem no ambiente mais seguro e saudável possível”, afirmou José Oliveira (Zezinho).

🔥17 Total de Visualizações