Em conversa com assessora especial de Janot, Sindjus trata de pauta dos servidores

No dia 7, a coordenadora Ana Paula Cusinato participou de reunião com a promotora de Justiça do MPDFT e atualmente assessora do gabinete do PGR Rodrigo Janot, Cláudia Chagas, para discutir temas de interesse da categoria, como o pagamento do reenquadramento e dos juros dos quintos.

O Sindjus pediu o empenho da assessora no sentido de que ela ajude a construir um caminho que leve o redirecionamento de qualquer sobra orçamentária que possa existir para imediato pagamento do reenquadramento e dos juros dos quintos. Ela ouviu atentamente e ficou de defender tal tese junto ao PGR.

Combate ao Assédio Moral

Ana Paula Cusinato também solicitou a cooperação de Cláudia Chagas na construção de uma comissão, no âmbito do MPF, para definir indicadores de assédio moral, promovendo assim o enfrentamento preventivo a esse sério problema, nos moldes que está acontecendo no TJDFT. “O seu apoio é fundamental para que esta comissão se torne uma realidade no Ministério Público Federal, de modo que possamos discutir e implementar práticas que permitam o combate do assédio moral de forma preventiva”, salientou a coordenadora.

A ideia é desenvolver um projeto padrão na PGR, que possa posteriormente se espalhar para todos os ramos do MPU. Esse tema já conta com a simpatia da vice-procuradora-geral da República, Ela Wiecko, que recebeu o Sindjus recentemente.

Comissão Interdisciplinar

Diante da desvalorização salarial que traz sérios prejuízos à categoria, o Sindjus reafirmou a necessidade de se instalar uma Comissão Interdisciplinar no MPU, com a participação de todos os ramos e também do sindicato, para discutir e formatar uma proposta de valorização salarial e de carreira para os servidores. A coordenadora do Sindjus informou à Cláudia Chagas que requerimento com o pedido de instalação da comissão foi protocolado no dia seguinte à posse do procurador-geral Rodrigo Janot.

Encaminhamentos

Cláudia Chagas foi muito atenciosa e ficou de encaminhar todos esses assuntos ao PGR, já o preparando para a reunião que terá com Sindjus. Esses e outros pontos serão debatidos diretamente com Janot em audiência.

Além do Sindjus, participaram da reunião Marcos Ronaldo (presidente da ASMPF), Adeline Dias (diretora da ASEMPT) e uma comissão de servidores da PGR.



Foto: Daniel Nogueira

🔥18 Total de Visualizações