Blitz na Vara de Execuções Penais do DF motiva servidores

Os coordenadores do Sindjus Sheila Tinoco e José Oliveira (Zezinho) estiveram nesta quarta-feira (23) na Vara de Execuções Penais do DF (VEP) para conversar com os servidores sobre a importância da adesão de todos à greve que começa no dia 6. A Vara de Execuções é um exemplo de local que não teve assembleia setorial e está agora sendo contemplado agora nas blitze. De sala em sala, os coordenadores conversaram com os servidores reforçando que só com mobilização Judiciário e Executivo vão negociar a aprovação do substitutivo que já está no Congresso Nacional.

A sensibilização desses servidores é fundamental, pois, segundo a servidora Danusa Landim de Souza, só a Vara de Execuções recebe uma média de 350 a 400 processos/dia; havendo um total de 320 mil processos na Vara, portanto um volume atípico. Uma paralisação por tempo indeterminado certamente terá reflexos nesses números. E os servidores estão bastante conscientes sobre a necessidade de fazer pressão sobre os chefes do Poder Judiciário e a presidenta Dilma para alcançar o reajuste. Danusa informou que vários cartazes foram espalhados pelo prédio e que os próprios servidores estão estimulando uns aos outros para aderir à greve.

Clique AQUI para ver as fotos

Crédito das fotos: Daniel Nogueira

🔥7 Total de Visualizações