Nota de solidariedade da ASMIP à nossa greve

O presidente da ASMIP, Fernando Corrêa de Moraes, divulgou nota em apoio à greve dos servidores do Ministério Público da União no Distrito Federal em prol do reajuste. Fernando enfatiza que “é preciso recompor nosso padrão de vida” fortalecendo a defesa feita pelo Sindjus de que não dá mais pra perder para a inflação.

Para a coordenadora do Sindjus Ana Paula Cusinato o apoio da ASMIP é muito importante, pois é preciso intensificar a greve no MPDFT que é um órgão estratégico e, historicamente, um palco de combatividade da nossa luta. Agradecendo o apoio da ASMIP, o Sindjus reforça a importância de todos os servidores do MPDFT aderirem à greve.

Confira abaixo a nota divulgada pela ASMIP:

Colegas,

A busca pelo bem-estar dos servidores do MPDFT é uma das razões de existir da Asmip. No entanto, sozinho, ninguém realiza qualquer obra de vulto. Nos embates, por mais razões que nas festividades, precisamos de aliados. Em momentos de impasse, como é a votação de um plano de cargos e salários, cujo desenlace afetará diretamente a vida de toda uma coletividade, vislumbramos claramente aqueles que estão ao nosso lado, apoiando nossa luta.

É preciso recompor nosso padrão de vida. É fundamental que a carreira de servidor do MPU volte a ser atraente.

A proposta orçamentária a ser remetida ao Poder Executivo, contemplando o reajuste, depende da consolidação pelo CNJ na próxima semana.

E nada virá de graça, a dignidade terá que ser reconquistada.

A Asmip apoia o movimento deflagrado pelos servidores em defesa de sua valorização e de sua dignidade.

E espera que a administração do MPDFT, cujo discurso, desde seu início, enaltece a qualidade e defende o bem-estar de seus servidores, reforce junto ao PGR a necessidade da valorização por meio do novo plano de cargos e salários.

🔥35 Total de Visualizações