Servidores do MPU decidem intensificar mobilização pela aprovação do PLC 41

viagra pret

viagra cena

Agora chega! Você servidor do MPU no DF não pode ficar de fora dessa luta. Na terça-feira, dia 14 de julho, o Plenário do Senado terá que votar e aprovar o nosso PL na íntegra. Não podemos aceitar nenhuma contraproposta rebaixada do Governo Dilma e vamos exigir o devido respeito (e responsabilidade) do Congresso Nacional para a aprovação desse projeto.

Nessa quarta-feira (8/7), os servidores do MPU pressionaram muito os senadores pela aprovação do PLC 41. Enquanto dirigentes e servidores ocupavam as dependências do Senado, uma multidão fechava todas as pistas da Esplanada e fazia muito barulho com cornetas, buzinas e apitos. O barulho das vuvuzelas dos servidores do MPU/Judiciário somado à tensão com os aposentados incomodou muito.

O PLC 41 não foi votado. Questionado, o presidente do Senado, Renan Calheiros, afirmou que vai dar ao PLC 41 o mesmo prazo que deu ao PLC 28. Porém, não quis revelar qual é esse prazo. Afirmou apenas que o projeto tem chance de ser votado antes do recesso, na próxima semana. Mas antes é preciso que a MP do Futebol, que passou a trancar a pauta, seja votada.

Ainda em relação à pressão feita pelos servidores, não temos dúvida que deu resultado, tanto que o senador Renan alertou que o PLC 41 só será votado se não houver vuvuzelas, pois o Senado não pode agir sobre pressão. Será?

O SINDJUS parabeniza a todos os servidores pela mobilização realizada na quarta-feira (8/7) e entende que os servidores devem continuar fazendo o trabalho de sensibilização junto aos senadores nos próximos dias, pois é fundamental que o PLC 41 seja votado antes do recesso.

Vejam a seguir o nosso calendário de luta construído por servidores do MPDFT em assembléia realizada hoje (9/7):

Calendário do MPU para aprovação do PL 41/2015

Sexta-feira: arrastões a partir das 13 horas no ed. Sede do MPDFT. Logo em seguida dividir equipes para fazer os arrastões solidários no MPT, PR/DF e PRR.

Segunda-feira: ato às 15 horas na PGR (vuvuzelaço pelo respeito à autonomia administrativa e orçamentária dos Poderes da União).

Terça-feira: pela parte da manhã, atuação do Comando do Senado (comissão de servidores) junto aos senadores.

Na parte da tarde, concentração na Praça das Bandeiras, de frente ao Congresso Nacional, a partir das 15 horas e, em seguida, vuvuzelaço até a aprovação do PL 41/2015.

🔥13 Total de Visualizações