Sindjus se reúne com Administração do TST para tratar de compensação da greve

O presidente do TST, ministro Ives Gandra, oficiou o Sindjus apresentando a listagem com os nomes dos servidores do tribunal que ainda possuem registro de falta justificada por motivo de participação na greve de 2015. Importante frisar que o sindicato firmou acordo com o presidente anterior, Barros Levenhagen, para que a compensação fosse por reposição do serviço.

Na quinta-feira (2/6), os coordenadores do Sindjus Neuza Ferreira, Jovane e Júnior Alves, acompanhados dos servidores Heraldo e André Pelegrini, conversaram com o diretor-geral, Gustavo Caribé, e o secretário de Gestão de Pessoas, José Railton Silva Rego, que informaram que a listagem foi gerada porque as unidades não apresentaram plano de compensação à autoridade superior de suas respectivas áreas de atuação.

Dessa forma, os servidores que têm interesse em realizar a compensação dos dias parados precisam solicitar a sua chefia imediata o saneamento dessa pendência, caso contrário, poderão sofrer descontos na folha de pagamento.

🔥39 Total de Visualizações