Dia 16/06: Ato em Brasília em defesa do serviço público e dos direitos dos trabalhadores

O Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasef) conclama todas as entidades classistas do funcionalismo federal, estadual e municipal e as centrais sindicais a promover, em 16 de junho, um dia de luta unitário em defesa do serviço público e dos direitos dos trabalhadores.

É inaceitável que o ônus da crise gerada pelas grandes empresas e pelo rentismo, que comanda a economia, recaia sobre os trabalhadores e que, mais uma vez, os servidores públicos e as políticas sociais sejam caracterizados como os responsáveis pelo déficit público.

Estamos em luta contra as medidas de ajuste, consubstanciadas em medidas como o PLP 257/2016, a anunciada nova etapa da contra-reforma da previdência, as terceirizações e o aprofundamento das privatizações.

Recomendamos a todas as entidades realizarem paralisações no próximo dia 16, com a realização de atos, debates, assembleias e que organizem caravanas a Brasília para a participação do nosso grande ato, que terá sua concentração junto ao Museu Nacional, na Esplanada dos Ministérios, às 13 horas, de onde seguiremos em passeata.

O ato foi aprovado por decisão unânime da Direção do Sindjus.

No mesmo dia, às 18 horas, reuniremos os servidores presentes para uma avaliação da mobilização e a indicação de futuras ações.

Servidores na luta:

– Contra o Ajuste Fiscal
– Contra o PLP257/2016
– Para barrar a anunciada contra-reforma da previdência
– Pela revogação do Funpresp e garantia de aposentadoria integral
– Pelo fim dos cortes orçamentários e ampliação do financiamento público para
qualificação dos serviços e servidores públicos
– Por 10% do PIB para a Educação Pública
– Por paridade salarial entre ativos e aposentado
– Por uma política salarial permanente com correção das distorções e reposição das
perdas inflacionárias
– Por direito irrestrito de greve e negociação coletiva no serviço público, com base
na convenção 151 da OIT Ÿ Pelo cumprimento dos acordos firmados em 2015

Fonte: Boletim do Fórum das Entidades Nacionais dos SPF

🔥35 Total de Visualizações