Sindjus-DF encerra assembleias setoriais do 7º Congresso. Começa prazo de envio de teses

O Sindjus-DF realizou nesta quinta-feira (04) as duas últimas assembleias setoriais para eleger os delegados que participarão do seu 7º Congresso, marcado para 19 a 21 de maio, no Hotel Nacional. Após duas semanas de rodadas de setoriais com servidores de todos os órgãos do Judiciário e MPU, o sindicato já tem o nome de todos os colegas que estarão presentes ao longo dos três dias de congresso. Ao todo, foram eleitos nas assembleias setoriais 37 delegados e cinco observadores (Confira aqui a lista). Também participarão como delegados natos a diretoria do Sindjus-DF (titulares e suplentes), os membros do Conselho Fiscal (titulares e suplentes) e os delegados sindicais de base, eleitos em abril deste ano.Com o encerramento agora da agenda de assembleias, o prazo que a categoria precisa ficar de olho agora é o de inscrição de teses e propostas de resoluções, que tem início nesta sexta-feira (05) e vai até o dia 12 de maio. As teses são consideradas contribuições ao debate. As propostas de resolução destinam-se a promover alterações estatutárias e a deliberar sobre assuntos de interesse da categoria que estejam relacionados com a pauta do Congresso.As teses e propostas de resolução serão aceitas apenas por escrito, observando os temas do Congresso, e deverão ser enviadas para o e-mail: [email protected], no seguinte formato:– texto do Word;
– fonte Times New Roman; tamanho 12;
– títulos em negrito, tamanho 20, em caixa alta (maiúscula);
– subtítulos em negrito tamanho 16;
– todos os parágrafos devem ser numerados e ter o recuo de 1,5 cm e
– o espaçamento entre as linhas deve ser simples.O Sindjus-DF ressalta que não aceitará teses, moções ou propostas de resolução apresentadas fora do prazo e do formato especificado.Já as moções devem ser apresentadas por escrito, preferencialmente, até o dia 20/05 – sábado, no mesmo formato indicado para as teses e propostas de resolução.Debater a luta contra as reformas
O Congresso do Sindjus-DF é o principal fórum de debate dos servidores do Judiciário Federal e MPU no Distrito Federal. Entre os temas que constarão na pauta nesta sétima edição, vale destacar as lutas contra as reformas da Previdência e Trabalhista, as terceirizações e em defesa da Justiça do Trabalho; a ratificação da decisão de assembleia sobre a desfiliação do sindicato à CUT; a alteração do estatuto da entidade, e a discussão sobre carreira, data-base, recomposição salarial, entre outros.Confira, abaixo, a programação.19/05 – Sexta-Feira
19h – Início do credenciamento e Coffee Break
20h – Solenidade de abertura
20h30 – Conjuntura Nacional e Internacional e debate
22h30 – Encerramento do Credenciamento do dia (delegados e observadores)20/05 – Sábado
9h – Regimento Interno – apresentação, discussão e aprovação
11h – Referendar a desfiliação da CUT e encaminhamentos
12h – Almoço
13h – Encerramento do credenciamento dos delegados e observadores
13h15 – Informes do número de credenciados e destruição de crachás dos delegados e observadores que não compareceram ao evento
13h30 – Alteração estatutária – Discussão e deliberações
16h30 – Lanche
17h – Continuação das deliberações sobre alteração estatutária
20h – Confraternização21/05 – Domingo
9h – Grupo de Trabalho – Reforma da Previdência, Reforma Trabalhista, Defesa da Justiça do Trabalho, Plano de lutas e Reivindicações
12h30 – Almoço
14h- Carreira – Campanha Salarial – Data-base
16h – Carreiras próprias
16h30 – Lanche
17h – Apresentação de moções e encaminhamentos
18h30 – Encerramento

🔥44 Total de Visualizações