TJDFT julga, nesta sexta, recurso sobre berçários. Sindjus convoca servidores para sessão

Em sessão marcada para esta sexta-feira (25/08), o TJDFT julgará recurso da Assejus (Associação dos Servidores do TJDFT) que pede a manutenção do Programa de Assistência Materno-Infantil (Pro-Ami), com o objetivo de retomar o funcionamento dos berçários destinados a atender filhos dos servidores do Tribunal. Desde março deste ano, os servidores foram desativados pela administração do tribunal.

Diante das constantes informações repassadas ao sindicato sobre o encerramento do Pro-Ami, o Sindjus-DF reivindicou, em diversas reuniões, que o Tribunal mantivesse os serviços que vinham sendo prestados há vários anos. Em junho deste ano, o sindicato também protocolou recurso administrativo (confira aqui), que tramita como PA 0001934/2017, reivindicando a reabertura do serviço.

O Sindjus-DF convoca todos os servidores do TJDFT a lotar a sala da sessão, com o objetivo de demonstrar a mobilização em defesa de um direito que é de suma importância para propiciar às mães servidoras a amamentação de seus filhos, a atenção básica e o acompanhamento devido. A intenção é sensibilizar os desembargadores para que julguem o recurso de forma favorável ao direito dos colegas manterem seus filhos nos berçários.

O julgamento será às 13h, na Sala de Sessões Plenárias, Tribunal Pleno, Bloco D, 2º Subsolo.

🔥14 Total de Visualizações