Centrais sindicais promovem, nesta sexta (10), ato público contra os ataques do governo

Para marcar o dia nacional de lutas e paralisações, convocado para esta sexta-feira (10/11), centrais sindicais realizarão um ato às 16h, na Plataforma Superior da Rodoviária do Plano Piloto, em Brasília. A pauta central da mobilização nacional são as medidas impostas pelo governo de Michel Temer, que, após aprovar o teto de gastos públicos (Emenda Constitucional nº 95/2016) e a reforma trabalhista (Lei 13.467/2017), agora retoma as negociações para garantir a reforma da Previdência (PEC 287/2016), que praticamente confisca o direito à aposentadoria de servidores públicos e trabalhadores do setor privado.

O ato acontecerá um dia antes da reforma trabalhista entrar em vigor, no dia 11 de novembro. O dia de luta incluirá também na pauta a derrota da reforma da Previdência, o fim do trabalho escravo, a defesa do serviço público e o fim das privatizações. Todos os eixos dialogam com o momento de retrocessos sofridos pela população.

No DF, a manifestação está sendo convocada pelas centrais CSP -Conlutas, Nova Central, CGTB, UGT, CTB e Intersindical. Confederações, federações e sindicatos de base também se somarão ao ato.

O Sindjus-DF orienta que os servidores do Judiciário e do MPU também participem desse momento de unidade com outras categorias.

🔥10 Total de Visualizações