Mais uma vez, STF não vota embargos dos quintos. Dirigentes do Sindjus mantêm pressão

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Cármen Lúcia, encerrou a sessão plenária desta quarta-feira (06) sem que os ministros apreciassem os embargos de declaração dos quintos (RE 638.115). Novamente, da mesma forma que nas sessões anteriores, o Sindjus-DF esteve presente no plenário do STF, para acompanhar qualquer desdobramento em torno dos embargos.

Ao longo dos últimos meses, sempre que as matérias são pautadas, dirigentes do sindicato e de outras entidades dos servidores do Judiciário e do MPU têm buscado dialogar com os ministros e chefes de gabinetes, para garantir que respeitem os princípios da coisa julgada e da segurança jurídica.

Considerando que os embargos se encontram pautados na sessão desta quinta-feira (7/12), o Sindjus-DF convoca a categoria a comparecer e continuar a pressão juntos aos ministros, na tentativa de conseguir a vitória definitiva no pleito.

🔥15 Total de Visualizações