Sindjus-DF acompanha no CNJ sessão que respondeu consulta sobre criação de polícia do PJU

Os coordenadores do Sindjus-DF Costa Neto e Roniel Andrade se encontram na manhã desta terça-feira (26/6) no Plenário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), acompanhando a 48º sessão extraordinária, na qual foi conhecida e respondida a Consulta nº 0001370-24.2012.2.00.0000, item 66 da pauta, sobre a criação da polícia institucional do Poder Judiciário.

A Consulta que visa esclarecer sobre a possibilidade de criação e organização da polícia institucional no âmbito do PJU foi conhecida e respondida, à unanimidade, nos termos do voto do relator, que será disponibilizado após o encerramento da sessão.

Combatendo o advento da terceirização, o Sindjus-DF defende que essa polícia seja formada por agentes de segurança. Há várias semanas o Sindicato vinha acompanhando as sessões na expectativa dessa análise e, inclusive, já havia conversado com o relator da consulta, conselheiro Fernando Mattos, defendendo que os servidores atuantes na área de segurança dos tribunais sejam investidos no poder de polícia administrativa.

🔥18 Total de Visualizações