Sindjus-DF reforça campanha contra a Reforma da Previdência e convoca a categoria para a greve geral do dia 14/06

O Sindjus-DF está veiculando desde o dia 10 de junho nos totens e painéis da Rodoviária do Plano Piloto, e também nos televisores do metrô e na grade da rádio Clube FM, ampla campanha contra o desmonte da Previdência e o ataque do governo aos trabalhadores, convocando a categoria e a população para a greve geral do dia 14 de junho (sexta-feira).

Além dessas peças publicitárias divulgadas nas mídias citadas anteriormente, o Sindjus-DF está convocando os servidores do Poder Judiciário e do Ministério Público por meio de carros de som, e-mails, faixas e distribuição de boletins.

A campanha em curso é uma iniciativa de grande visibilidade e repercussão, que visa mobilizar a população em geral a aderir a esse dia de luta contra a Reforma da Previdência, que afeta diretamente servidores públicos e trabalhadores da iniciativa privada e do campo, mulheres, pessoas com deficiência e idosos em estado de miserabilidade.

Em 2017, a CPI do Senado comprovou que o déficit da Previdência é uma falácia. O que o governo alega que irá economizar ao longo de dez anos com essa reforma pode ser arrecadado imediatamente cobrando os maiores sonegadores da Previdência: bancos e grandes empresários.

Não é necessário ser especialista no assunto para saber que aumentar a idade mínima de aposentaria para as mulheres, retirar de autistas e downs a pensão por morte, elevar a contribuição dos servidores públicos para até 22% não são medidas razoáveis.

Quanto mais sabemos a verdade sobre essa ofensiva cruel contra a Previdência Pública e a população brasileira mais somos chamados a combater esse ataque do governo ao direito dos brasileiros de terem uma aposentadoria digna.

Junte-se a nós! Vamos à greve! Todos juntos em defesa da Previdência Social.

 

 

🔥172 Total de Visualizações