Dia 18 de junho, Dia do Orgulho Autista. O Sindjus-DF apoia esta causa

Hoje, dia 18 de junho, é celebrado o Dia do Orgulho Autista. A data foi celebrada inicialmente no ano de 2005, pela organização americana, Aspies for Freedom. É uma data para celebrar a neurodiversidade e as características únicas que as pessoas autistas apresentam. O objetivo da data é mudar a visão negativa de muitas pessoas quanto ao autismo, passando o autismo de “doença” para “diferença”. É importante que todos se conscientizem de que as pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) não são doentes, mas que possuem algumas características próprias, que lhes impõem desafios e uma série de possibilidades.

O Sindjus-DF, por meio de seu Núcleo de Inclusão tem desenvolvido diversas campanhas de conscientização sobre o autismo, bem como ações para assegurar o cumprimento dos direitos das pessoas com autismo, inclusive, dos servidores autistas ou que são pais de autistas. A luta do Sindicato pela padronização da jornada especial tem por objetivo garantir que os pais exerçam o papel de agentes de transformação no desenvolvimento de seus filhos, uma vez que essa atenção é tão importante para pessoas com TEA.

“A luta pelos direitos dos autistas deve ser contínua, assim como campanhas de conscientização para desmitificar o TEA, de modo que os autistas possam ser reconhecidos não por suas limitações, mas por suas singularidades. Afinal, todos somos seres únicos. E o objetivo não é negar, mas reconhecer e respeitar as diferenças. É assim que construímos um mundo mais inclusivo, mais fraterno, mais justo. Eu sou pai de dois filhos autistas e tenho muito orgulho de quem eles são. Eu tenho muito orgulho do que eles me ensinam a cada dia. Que possamos cada vez mais ampliar nossa visão e aceitar que a vida é fonte de diversidade”, afirmou o coordenador do Sindjus-DF Cledo Vieira.

Confira aqui matéria recente sobre o histórico de atuação do Núcleo de Inclusão do Sindjus-DF, que engloba os autistas.

🔥601 Total de Visualizações