Sindjus-DF e Sindilegis conversam com deputado Coronel Tadeu, que afirma ser contra a PEC 32 da forma como está

Na tarde desta quinta-feira (21/10), Sindjus-DF e Sindilegis se reuniram com o deputado federal Coronel Tadeu (PSL-SP), na Câmara dos Deputados, para tratar da PEC 32/2020. A iniciativa faz parte das articulações conjuntas desenvolvidas por esses sindicatos parceiros visando barrar a Reforma Administrativa, angariando o máximo de votos possível contra essa tentativa de desmonte dos serviços públicos.

Os coordenadores do Sindjus-DF Costa Neto e Igor Mariano e o diretor do Sindilegis Petrus Eslebão conversaram com o deputado e entregaram carta aberta e Nota Técnica explicando os malefícios dessa PEC não só para os servidores, mas para a população brasileira. Discorreram sobre a necessidade de preservar os concursos públicos e o instituto da estabilidade para impedir o avanço da corrupção. Enfatizaram que a estrutura do Estado não pode retroceder e ficar refém de maus gestores, aparelhado por apadrinhados políticos, que passarão a ser um exército de cabos eleitorais em vez de agentes do Estado em prol da sociedade. Os dirigentes ainda informaram sobre as ações que estão sendo desenvolvidas pelos sindicatos para combater essa PEC até que seja devidamente arquivada.

O deputado Coronel Tadeu explicou que é a favor de uma reforma visando a melhoria dos serviços públicos, para buscar eficiência e o aperfeiçoamento, mas que é contrário à redação da proposta atual, que, na sua visão, não conseguiu agradar a ninguém. Afirmou que se o texto for esse aprovado pela comissão especial irá se posicionar contra. Disse ainda que atualmente não vê condições dele ser aprovado em plenário e que não tem mais do que 250 deputados favoráveis nesse momento.

“Essa reunião é mais uma de várias outras já realizadas em que Sindjus-DF e Sindilegis têm mostrado sintonia e trabalhado a todo vapor para derrubar a PEC 32, seja por meio de mobilizações nas ruas e nas redes sociais ou de reuniões com parlamentares. Essas conversas estratégicas são fundamentais para alcançarmos o resultado que queremos – a rejeição da Reforma Administrativa. A reunião de hoje foi bastante produtiva, pois conseguimos alertar o Deputado sobre os malefícios dessa reforma e ouvir dele o posicionamento contrário à proposição da forma como está”, explicou Costa Neto, coordenador-geral do Sindjus-DF.

🔥837 Total de Visualizações