Em resposta a requerimento do Sindjus, TSE afirma que está trabalhando no Congresso pelo reajuste dos auxílios

Por meio do Ofício GAB-DG nº 3127, de 4 de julho de 2022, o diretor-geral do TSE, Rui Moreira de Oliveira, informa ao Sindjus que o Tribunal Superior Eleitoral apresentou proposta de emenda ao Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias – PLDO/2023, com sugestão de alteração do art. 126, de forma a possibilitar concessão de reajuste dos valores per capita de auxílio alimentação e assistência pré-escolar, no âmbito do Poder Judiciário no exercício financeiro de 2023. O DG ainda destaca que o TSE está acompanhando a tramitação da emenda no Congresso Nacional.
O ofício do TSE se deu em resposta a requerimento formulado pelo Sindjus, no mês de junho, solicitando formalmente ao TSE, assim como fez com todos os tribunais superiores e TJDFT, além dos ramos do MPU, a tomada de medidas urgentes junto ao Legislativo objetivando a supressão do artigo 126 do PLN 5/2022, de modo que seja possível reajustar os referidos benefícios à nossa categoria, que já se encontram bastante defasados em razão da inflação acumulada.

A resposta do TSE é uma ótima notícia, que vai ao encontro do nosso pleito, pois buscamos construir uma ampla rede de apoios para garantir a supressão do artigo 126 ou sua alteração, permitindo, depois de muitos anos, o tão necessário reajuste nos Auxílio Alimentação e Assistência Pré-Escolar.

Veja AQUI o ofício do Sindjus.

Fortaleça seu Sindicato. Filie-se ao Sindjus!

🔥1.0 K Total de Visualizações