Sindjus realizou mais uma mobilização pela derrubada dos vetos 10 e 25 e contra a PEC 32

Nesta quarta-feira (06/12), o Sindjus realizou mais uma mobilização, em frente ao Anexo II da Câmara dos Deputados, pela derrubada dos vetos 10 (MPU) e 25 (PJU) e contra a PEC 32/2020 (Reforma Administrativa). Com faixas, bandeiras, instrumentos musicais e sistema de som, o Sindicato deu o seu recado, chamando a atenção para a importância da valorização dos servidores do Poder Judiciário e do MPU e do fortalecimento dos serviços públicos brasileiros.

O coordenador de Assuntos Jurídicos Cledo Vieira, que esteve presente na mobilização, pronunciou diversas palavras de ordem e passou o informe de que o coordenador-geral do Sindjus Costa Neto esteve na terça-feira (5/12), no Congresso Nacional, em reuniões com o relator do Orçamento para 2024, deputado Carlos Motta, e com o presidente em exercício da Câmara dos Deputados, Sóstenes Cavalcante, para tratar da pauta da categoria, e aproveitou para pedir o apoio dos parlamentares à apreciação e derrubada dos vetos 10 e 25.

Cledo Vieira enfatizou que o Sindjus não vai descansar enquanto esses vetos não forem apreciados e derrubados, e a PEC 32/2020 não for enterrada de vez.

O Sindjus está há meses fazendo mobilizações contínuas em frente ao Anexo II da Câmara dos Deputados defendendo a rejeição dos vetos 10 e 25 e o arquivamento da PEC 32.

Precisamos seguir na luta para derrubar o Veto 10/2023 e garantir o NS para o cargo de Técnico do MPU e do CNMP, a essencialidade dos cargos do MPU, a não absorção dos Quintos no âmbito do MPU e a transformação do AQ recebido pelos técnicos do MPU e do CNMP em VPNI.

Também precisamos derrubar o Veto 25/2023 para assegurar a essencialidade dos cargos do Poder Judiciário da União, a não absorção dos Quintos no âmbito do PJU e à transformação do AQ recebido pelos técnicos do PJU em VPNI.

Juntos, somos mais fortes!

 

🔥258 Total de Visualizações