Participe da pesquisa do Sindjus-DF e ASSTJ sobre mudanças na contribuição do Pró-Ser

Pedimos para responder até quarta-feira (19/12/18)A pesquisa visa medir o grau de satisfação ou insatisfação dos servidores do STJ e do CJF em relação às mudanças aprovadas pelo Conselho Deliberativo do Pró-Ser.

A Administração do STJ divulgou que as mudanças no Programa de Saúde dos Servidores do STJ e CJF (Pró-Ser) podem causar a diminuição do valor de contribuição em algumas faixas. Confira a seguir, o que foi publicado na edição de 21 de novembro do informe “Vem Comigo”:“Dessa forma, a cobrança da contribuição mensal (percentual sobre a remuneração), hoje em vigor, será substituída por uma tabela progressiva de valores, proporcional à faixa de idade, possibilitando, inclusive a diminuição do valor em algumas faixas.”

No entanto, verifica-se que essa redução contemplaria apenas 3% do total dos beneficiários do Pró-Ser, que são justamente aqueles que percebem os maiores salários, que beiram o teto constitucional e/ou estejam em faixa etária extremamente baixa (os mais jovens), de acordo com a tabela proposta.

Não podemos ficar inertes com relação ao que está sendo divulgado, afinal, ninguém melhor do que cada um de nós para saber o quanto essas mudanças afetarão o nosso orçamento familiar.

Dessa forma, Sindjus-DF e ASSTJ criaram uma pesquisa simples e eficiente que visa ajudar a aferir o real sentimento dos servidores sobre as mudanças da contribuição no Pró-Ser.

Participe e estimule os seus colegas a fazerem o mesmo.

Para responder o questionário basta verificar o seu contracheque e fazer a comparação entre o que você paga hoje e o que você vai pagar com a nova tabela do Pró-Ser.

Por meio do resultado dessa pesquisa, as entidades vão poder reforçar ainda mais os argumentos para lutar por um Pró-Ser isonômico e justo.

Período de resposta encerrado!

🔥142 Total de Visualizações