O Dia: União terá que abrir 80 mil oportunidades

21/08/2011

Número de servidores em condições de se aposentar forçará autorização de concursos

Rio – O governo federal vai oferecer 80 mil novos postos de trabalho nos próximos anos. As chances são decorrentes da permanência na ativa de servidores civis da União que já poderiam ter se aposentado.

Dados do Ministério do Planejamento revelam que 119.789 servidores da União penduraram as chuteiras de 2000 a 2011. Para se ter ideia de quantos se aposentam anualmente, no ano passado 13.722 deixaram os cargos.

A área que vai oferecer mais concursos públicos novos será a de Educação, destaca o Planejamento. O motivo é o empenho do governo federal em aumentar o número de vagas nas universidades e escolas técnicas do País. A Previdência Social também terá necessidade de contratar funcionários, para atender à demanda com a ampliação do número de agências.

Rafael Fernandez, professor do Mestre dos Concursos, afirma que candidatos interessados nessa área devem manter o foco, pois os concursos federais estão retornando gradativamente. “O efeito é de avalanche, ou seja, com muitas vagas”, diz Fernandez.

O especialista recomenda que, antes da publicação do edital, o estudo seja baseado na prova da seleção anterior. “É importante considerar todas as disciplinas e conteúdos previstos”, destaca.

Outra questão que deve ser bem avaliada, segundo Fernandez, é a escolha da repartição. “Antes de decidir que direção tomar, é preciso observar que atividade lhe trará satisfação e motivação profissional”, alerta.

Priorizar matérias específicas do concurso é mais uma forma de alcançar o sucesso. Mas disciplinas comuns a várias seleções também merecem atenção, como Direito Constitucional e Português.

NOVOS CONCURSOS JÁ PREVISTOS

POLÍCIA FEDERAL

A expectativa é que sejam autorizadas, em breve, 1.024 vagas em cargos policiais. Desses, 396 serão para agentes, 362 para escrivão, 150 para delegado e 116 para papiloscopista. Para delegado, é preciso ter formação em Direito.Para os outros, Ensino Médio.

RECEITA FEDERAL

O órgão pretende contratar 2.500 servidores de Nível Médio, no cargo de assistente técnico-administrativo. O salário é de R$ 3.203,97.

INSS

O Instituto Nacional do Seguro Social conseguiu autorização para realizar concurso. Serão 2.500 vagas (duas mil para técnico previdenciário e 500 para perito médico). O edital sai até o fim de setembro

🔥13 Total de Visualizações