Presidente do TJDFT apoia e considera justa reivindicação de reajuste para todos

Mesmo antes de sua realização, a paralisação de 24h já deu resultado, ao menos, no TJDFT. O presidente Getúlio de Moraes recebeu o Sindjus na tarde desta segunda-feira (28), pela primeira vez depois que assumiu o cargo, e se colocou à disposição para ajudar no que for preciso para que o impasse salarial da categoria seja resolvido o quanto antes.

Apoio

O presidente, que enfatizou apoiar e considerar justa a reivindicação dos servidores, comprometeu-se a ajudar no processo de articulação junto ao STF e aos presidentes dos tribunais superiores para que a proposta substitutiva seja encaminhada o mais rápido possível ao Congresso Nacional.

Greve

Diante da preocupação do presidente, o Sindjus deixou claro que utiliza a greve como última alternativa do processo de negociação. Porém, esclareceu que desde agosto de 2013 tem pedido a instalação dessa comissão ao STF e que os servidores estão cansados de tamanho descaso.

Continuidade

Segundo o presidente, a nova administração acompanha a manifestação favorável do Pleno Administrativo do TJDFT no sentido de se enviar ao Congresso Nacional o reajuste de forma unificada para todos os servidores do Judiciário e dará continuidade a essa linha de atuação.

Reajuste para todos

O presidente foi bastante enfático ao dizer que o Sindjus e os servidores do TJDFT podem contar com ele para defender o reajuste para todos, deixando claro que não é favorável à cisão da categoria.

Comissão

O des. Getúlio de Moraes informou que ainda não foi comunicado sobre a formação da comissão interdisciplinar, mas assim que o for indicará o secretário-geral do tribunal, Celso de Oliveira.

O presidente ainda afirmou que vai defender que o Sindjus tenha assento nesta comissão.

Fruto da mobilização

A direção do Sindjus avalia que essa reunião foi fruto do ato público do TJDFT do último dia 25 somado à paralisação de 24h que acontecerá nesta terça-feira (29), enfatizando assim a necessidade dos servidores continuarem mobilizados e participando das atividades. É a nossa pressão e a nossa unidade que nos levará ao reajuste.

Pauta específica

Ao final da reunião, o coordenador Jailton Assis informou que há outros temas de interesse específico dos servidores do TJDFT que precisam ser tratados. O presidente prontamente pediu para que essa pauta seja trazida na íntegra e discutida diretamente com o Secretário-Geral, pois à administração está aberta a discutir cada um dos itens que dizem respeito aos servidores da casa.

Também estiveram presentes os coordenadores José Oliveira (Zezinho), Sheila Tinoco, Ana Paula Cusinato e Fátima Arantes.

🔥33 Total de Visualizações