Sindjus cobra do TJDFT celeridade no processo dos 14,23%

Os coordenadores do Sindjus Júnior Alves e Eldo Luiz cobraram, nesta terça-feira (5/4), do TJDFT, celeridade no processo dos 14,23% dos servidores do TJDFT (MS 2016.00.2.001855-6) e do MPDFT (MS 2016.00.2.006787-0).

O processo do TJDFT, que estava no MP para emissão de parecer, voltou ao TJDFT. Os coordenadores conversaram com o chefe de gabinete do desembargador-relator Mário Machado e solicitaram celeridade nessa tramitação. Ele informou que o processo já está com o relator e que deve divulgar o voto nos próximos dias e na sequência, será marcada a data de julgamento, de acordo com a Secretaria do Conselho.

No caso do Ministério Público, o desembargador-relator Cruz Macedo despachou hoje (6/4) pedindo informações ao PGJ, dando ciência à União e pedindo parecer ao MP. Em seguida, será marcada a data do julgamento.

🔥20 Total de Visualizações