Durante atividade no aeroporto, Sindjus-DF pedirá que deputados rejeitem PEC 287

Com a proximidade da votação do parecer do relator da PEC 287/2016, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), na comissão especial da Câmara dos Deputados, o Sindjus-DF intensificará as mobilizações nesta semana, com o objetivo de convencer os deputados a votarem contra a proposta de reforma da Previdência apresentada pelo governo. A expectativa da base aliada do Palácio do Planalto é fazer a leitura do parecer na reunião de quinta-feira (16/03) e votar o texto no dia 21 de março, terça-feira da semana que vem.

Para iniciar a agenda de mobilizações, o sindicato recepcionará deputados na manhã desta terça-feira (14), no aeroporto Juscelino Kubitschek. Na ocasião, com faixas e materiais, como o panfleto Dez motivos para lutar contra a PEC 287/2016 e o boletim especial sobre a reforma da Previdência, diretores do sindicato abordarão os deputados, apresentando a eles os efeitos nocivos da proposta para a população brasileira. A direção do sindicato convida a categoria para esta atividade, com concentração em frente ao portão do desembarque, a partir das 7h30.

Ato dia 15/03
Além da recepção aos deputados no aeroporto internacional de Brasília, o Sindjus também está convocando a categoria para o ato do dia 15 de março, quando entidades sindicais promoverão um dia nacional de lutas, com o objetivo também de fortalecer a campanha unificada dos servidores públicos federais. No DF, a manifestação será na Esplanada dos Ministérios. O sindicato informará em breve o horário e o local exato da manifestação no Distrito Federal, mas, desde já, convoca a categoria a participar desse dia de luta.

🔥15 Total de Visualizações