Sindjus- DF entra na campanha Novembro Azul

Após participar da campanha do Outubro Rosa, iniciativa voltada à conscientização sobre o câncer de mama, o Sindjus-DF entra agora na campanha Novembro Azul. O objetivo da iniciativa é combater o câncer de próstata e conscientizar os homens sobre a importância de ir ao médico para realizar exame preventivo da doença.

Considerado o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens no Brasil, o câncer de próstata foi responsável, em 2015, pela morte de 14.484 homens, segundo dados do Ministério da Saúde. A cada 36 minutos, um homem morre vítima dessa doença. A estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) é que em 2017 sejam registrados 61,2 mil novos casos de câncer de próstata no país.

Fotos: Valter Campanato/Agência Brasil

A campanha é realizada pela organização não governamental (ONG) Instituto Lado a Lado pela Vida, em parceria com a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU).

Estudos apontam que o diagnóstico precoce da doença aumenta as chances de cura para 90% dos casos. O exame médico de prevenção deve ser realizado anualmente por todos os homens com idades a partir de 50 anos (ou 45, se houver casos de câncer de próstata na família). No entanto, dados da SBU mostram que 20% dos pacientes são diagnosticados em estágios avançados da doença, o que faz com a taxa de mortalidade chegue a 25%.

Para marcar a campanha, órgãos públicos, como o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto, o Itamaraty, a Esplanada dos Ministérios, a Praça dos Três Poderes e a Catedral Metropolitana de Brasília, são tomados com a cor azul, além de realização de palestras sobre o tema em diversos locais de trabalho, universidades, escolas e igrejas.

O Sindjus-DF convida os servidores do Judiciário e do MPU a conhecer a campanha e tomar consciência sobre a importância de fazer o exame preventivo.

Confira a cartilha elaborada pelo Inca, com informações sobre aspectos gerais do câncer de próstata e possibilidades e limites para detecção precoce.

🔥9 Total de Visualizações