Sindus-DF faz entrega de mais uma tonelada de alimentos arrecadados durante projeto SALVE O SOM

No dia 21 de maio, o Sindjus-DF, dando prosseguimento ao processo de entrega das mais de 14 toneladas de alimentos que foram arrecadadas durante a primeira fase do projeto SALVE O SOM, distribuiu uma tonelada de alimentos (72 cestas básicas) para pessoas em situação de vulnerabilidade nas cidades de Santa Maria e Ceilândia.

Às 13h30 a equipe do Sindjus-DF esteve na Associação Porto Rico, localizada em Santa Maria, efetuando a entrega de 36 cestas básicas. O antigo Condomínio Porto Rico abriga mais de 20 mil habitantes, sendo uma área de população de baixa renda.

Às 15h30 aconteceu a entrega de 36 cestas básicas ao Instituto Mãos Amigas (IMA), sediado no P Sul em Ceilândia, que se destina ao cuidado de pessoas em situação de sofrimentos psíquicos graves, e desenvolve suas atividades na comunidade. Assiste mais de 80 famílias que estão também em situação de vulnerabilidade social.

O Sindjus-DF já promoveu entregas de cestas básicas à Associação Beneficente Cristã Mãos Solidárias (Ceilândia), no Acampamento Noelton Angélico (Brazlândia), à Associação Afago DF (Brazlândia), à Associação Santos Inocentes (Samambaia Norte), à Associação Cristã Santa Clara (Cidade Estrutural), ao Grupo Espírita-Cristão “A Caminho da Luz” (Sobradinho) e a pessoas em situação de vulnerabilidade residentes na Vila Margarida, localizada na região conhecida como “Rota do Cavalo”, que faz parte de Sobradinho.

O Projeto SALVE O SOM, que já está em sua segunda temporada, é uma iniciativa do Sindjus-DF e do Sindilegis, com apoio do Portal Metrópoles, Fonacate, Legis Club e outras entidades, e tem como objetivo prestigiar os artistas de Brasília e arrecadar recursos para ajudar os profissionais da música da capital e suas equipes, bem como arrecadar doações em alimentos e outros produtos para pessoas em situação de vulnerabilidade que estão sofrendo com a pandemia de Covid-19.

“A arte está a serviço da solidariedade. As lives ajudam a tocar os corações e despertar a sensibilidade e o papel de cada um diante dessa pandemia, motivando ações de solidariedade em prol do próximo. Não se trata apenas de uma questão de saúde, mas de ajuda humanitária, pois muitas pessoas estão sofrendo o agravamento da crise econômica e passando uma série de necessidades e privações, com situações, inclusive, de famílias que não tem sequer o que comer em casa. O Projeto SALVE O SOM está fazendo a diferença na vida de muitas famílias graças à participação de todos. Cada doação, por menor que seja, é importante, cada doação é convertida em sorriso e esperança. Por isso, continue assistindo os shows virtuais e doando para ajudar aqueles que mais necessitam. O seu gesto pode salvar vidas”, afirmou o coordenador-geral do Sindjus-DF, Costa Neto.

Confira as próximas lives:
Hoje – 27 de maio:
Vital (18h); Digão, da Banda Raimundos (19h30); e Banda LAVI (21h).
1º de junho:
Kajsa Beijer (18h); 7 na Roda (19h30); e Thiago e Gabriel (21h).

Assista ao vivo pelos canais do YouTube e Instagram do Sindjus-DF.

Faça sua doação
– Para doações em dinheiro:
Banco 756 – Sicoob
Agência 4259
Conta 3.278-6
CNPJ 03.656.493/0001-00
– Para doações de alimentos e outros produtos:
Cristiane Lacerda (Sindjus-DF)
(61) 99175-0135
Ricardo Gomes (Sindilegis)
(61) 99824-8528

 

Instituto Mãos Amigas (IMA)

 

Associação Porto Rico

🔥130 Total de Visualizações