8º Congresso aprova ampla e forte atuação do Sindjus-DF contra a Reforma Administrativa

Os delegados do 8º Congresso do Sindjus-DF aprovaram, no início da tarde deste sábado, uma importantíssima proposta de resolução em relação ao momento atual que estamos vivendo referente à mobilização em defesa do serviço público e contra a Reforma Administrativa.

A proposta, nº 01 do Caderno de Teses e Resoluções, foi defendida pelo coordenador-geral do Sindjus-DF Chico Vaz que discorreu sobre esse brutal ataque aos servidores e serviços públicos trazido pela PEC 32/2020, que está tramitando no Congresso Nacional, e que trará precarização às relações de trabalho, perseguição aos servidores, quebra da estabilidade, redução de salários e outros prejuízos incalculáveis ao funcionalismo e à sociedade.

Chico Vaz afirmou que é necessário muita mobilização e unidade para combater essa onda de ataques aos serviços e servidores públicos, bem como à defesa do patrimônio do povo brasileiro.

Desta forma, o 8º Congresso aprovou a organização, por parte do Sindjus-DF, da luta da categoria buscando criar as condições necessárias para construir uma frente de entidades para trabalhar em conjunto a defesa dos servidores e serviços públicos.

Fica aprovada, portanto, a execução de ampla campanha em defesa do serviço público e contra a Reforma Administrativa em todos os espaços possíveis da mídia e em meio à população.

Serão retomados os trabalhos de mobilização no Aeroporto JK, na Câmara dos Deputados e no Senado, e ainda nas quadras residenciais dos deputados e senadores, assim que for possível, em razão da pandemia, observando o calendário de discussão e apreciação da Reforma Administrativa no Congresso Nacional, cumprindo todas as regras sanitárias de prevenção e proteção.

Outra frente de atuação se dará na realização de reuniões com todos os deputados e senadores do Distrito Federal, Acre, Rondônia e Roraima para fazer pressão e pedir o apoio dos parlamentares. Neste mesmo sentido serão requeridas audiências com todos os Presidentes dos Tribunais Superiores e Regionais, do TJDFT, dos Conselhos Superiores, bem como com os Procuradores-Gerais de todos os ramos do MPU.

O Sindjus-DF participará de movimentos e mobilizações nacionais em conjunto com as demais entidades representativas dos servidores públicos, integrando as ações do Fonacate e Fonasefe.

A proposta, dentre outros pontos, ainda discorre sobre a participação do Sindicato nas atividades da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público, da qual o Sindjus-DF faz parte, o fortalecimento do Setor Comunicação do Sindicato e a contratação de profissionais especializados, assessoria e empresas de marketing para realizar palestras, lives e materiais em defesa dos serviços e servidores públicos e contra a Reforma Administrativa.

Essa proposta é uma conquista de toda a categoria, pois norteará as ações do Sindjus-DF contra a PEC 32/20 e em favor da defesa e valorização dos serviços e servidores públicos.

🔥124 Total de Visualizações