Líder da oposição na Câmara afirma que governo não tem apoio necessário para aprovar PEC 32

Alessandro Molon parabenizou Sindjus-DF e Sindilegis pelo trabalho conjunto que vem sendo desenvolvido e conclamou todos a manter e intensificar as mobilizações

Na tarde de quinta-feira (21/10), dando prosseguimento às articulações para barrar o avanço da Reforma Administrativa, o coordenador-geral do Sindjus-DF, Costa Neto, e o presidente do Sindilegis, Alison Souza, foram recebidos pelo líder da oposição na Câmara dos Deputados, deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), para avaliar os próximos passos e traçar estratégias de combate à PEC 32. Na ocasião, Molon assegurou que nesse momento o governo não tem apoio necessário na Câmara dos Deputados para aprovar a PEC 32/2020, que trata da Reforma Administrativa.

Durante a reunião, o parlamentar conclamou a união dos servidores e fortalecimento das mobilizações, que, segundo ele, têm surtido muito efeito junto aos parlamentares. Para ele, é necessário dar continuidade aos atos, para que os servidores não sejam pegos de surpresa.

“É muito difícil a PEC seguir, a prioridade mudou, no entanto, não dá para descuidar. É preciso estar atento”, pontuou o parlamentar.

O coordenador-geral do Sindjus-DF aproveitou o encontro para agradecer o empenho do deputado na luta para barrar a proposta. “O seu apoio tem sido fundamental na crescente mobilização, bem como para atuar no convencimento de outros deputados”, pontuou Costa Neto.

Sobre o posicionamento da oposição, Alessandro Molon informou que o grupo deve apresentar destaques supressivos à PEC 32, mas, com certeza, irá votar contra a proposta na sua integralidade. Para ele, à medida em que se aproxima cada vez mais o final do ano e as eleições, mais difícil será do tema vir à apreciação do plenário e ser aprovado.

Para Alison Souza, a PEC 32 vem para trazer um modelo falido de Estado Mínimo, que fragiliza o serviço público para quem mais precisa. O presidente do Sindilegis ainda colocou a entidade à disposição do líder.

Na avaliação do Sindjus-DF, o trabalho conjunto entre as entidades, com uma mobilização crescente a cada dia, e a atuação firme dos parlamentares, têm sido fundamental para construir a unidade necessária à rejeição dessa PEC.

Participe das mobilizações em defesa do serviço público.
Filie-se e fortaleça seu sindicato. Juntos somos mais fortes!

🔥567 Total de Visualizações