Intensas mobilizações contra PEC 32 marcam semana de atuação do Sindjus-DF

O Sindjus-DF teve uma semana intensa de mobilizações contra a PEC 32/2020, que trata da Reforma Administrativa. Com a possibilidade de apreciação do relatório da proposta na Comissão Especial da Câmara dos Deputados, a diretoria do Sindicato reforçou a atuação e o empenho culminou no adiamento da leitura do relatório.

Na segunda-feira (13/9) o ato teve início logo pela manhã no Aeroporto JK, em Brasília. Os coordenadores do Sindjus-DF recepcionaram os parlamentares com faixas, bandeiras e instrumentos musicais. A mobilização contou com o reforço dos diretores do Sintrajufe-CE, Sindjufe-TO e da Anatecjus.

A mobilização teve continuidade na terça-feira (14/9), quando os filiados e coordenadores do Sindjus-DF alertaram os deputados para alguns pontos de fragilidade e efeitos nocivos da PEC 32, entre eles a quebra da estabilidade e a abertura de espaço para o sequestro do serviço público pelo apadrinhamento político e corrupção desenfreada.

“Nos próximos anos precisamos fortalecer cada vez mais o serviço público para atender as demandas da população. Em razão das sequelas decorrentes da Covid-19, o SUS precisa estar cada vez mais forte para atender a sociedade. Além disso, as crianças que não puderam ter acesso à educação em virtude da exclusão digital também precisam ser atendidas por servidores públicos”, pontuou Costa Neto, coordenador-geral do Sindjus-DF.

Ainda na terça-feira os diretores estiveram em frente ao anexo II e nos gabinetes da Câmara dos Deputados para atuar no convencimento dos parlamentares contra a Reforma Administrativa. O recado foi claro: quem votar não volta!

“Os parlamentares precisam ter ciência dos prejuízos da PEC 32 para todo funcionalismo público e sociedade brasileira. Aprovar a proposta é fragilizar o serviço público e perseguir a categoria que mais contribui e atua no atendimento à população carente e vulnerável”, pontuou Abdias Trajano, coordenador geral do Sindjus-DF.

Os atos na Câmara dos Deputados tiveram continuidade na quarta (15) e quinta-feira (16). Na segunda-feira (20) a semana começa com nova mobilização no aeroporto de Brasília, à partir das 9h. Participe!

🔥64 Total de Visualizações